"De tanto ver triunfar as nulidades, de tanto ver prosperar a desonra, de tanto ver crescer a injustiça, de tanto ver agigantarem-se os poderes nas mãos dos maus, o homem chega a desanimar da virtude, a rir-se da honra, a ter vergonha de ser honesto."
RUI BARBOSA

domingo, 26 de junho de 2011

110- Nove dicas para bloquear o barulho – TDAH - ADHD

Um leitor nos conta: “Não importa onde você esteja em nossa casa, sempre há algum tipo de barulho que torna difícil estudar e pensar”. “Há alguma técnica ou ferramenta (como tecnologia) que possamos usar para bloquear o barulho, de maneira que consigamos nos concentrar no que queremos, em vez de prestar atenção nas distrações externas?” Por Beth Main 
 
Bloquear o barulho pode ser um desafio para os adultos e as crianças com TDAH – e para os que não sofrem do problema. Para responder diretamente a sua pergunta, há várias ferramentas que você pode usar para ajuda-lo a prestar atenção e evitar as distrações externas:
1-    Use ruído branco, tal como um ventilador ou aspirador.

2-    Toque música de fundo que o ajude a focalizar, em vez de música do tipo que exija sua atenção (um dos meus clientes tem uma lista que ele chama de “Adderall auditivo”).

3-    Escute sons da natureza, em disco ou via um smartfone (procure por “sons da natureza” e veja o que pode encontrar).

4-    Crie barreiras sonoras, como acrescentar isolamento acústico às suas paredes, ou usar toalhas nas frestas das portas.

5-    Use tampões de ouvido ou fones de ouvido canceladores de ruídos.
Você tem duas chances aqui: reduza o barulho na sua casa ou encontre outro lugar para pensar e estudar. Eu sei, eu sei... você pode achar que isso não dá para ser feito! Mas talvez possa:
6-    Diga à sua família (ou colegas de quarto) que você precisa de algum tempo de silêncio e peça a eles ideias sobre como conseguir isso. Faça-os saber como isso é importante para você. Talvez você estabeleça um compromisso com eles para que o barulho fique baixo durante seus períodos de estudo. Você pode até estabelecer consequências para a quebra das regras.

7-    Coordene os esquemas para que todos na casa fiquem quietos juntos. Talvez você possa designar um horário em que as crianças estejam lendo ou jogando algum gueime de estratégia, sua mulher esteja trabalhando no quintal e você esteja fazendo o seu trabalho que exige foco. Você terá de combinar isto com antecedência – as chances de que isto aconteça espontaneamente são tão remotas quanto as de a dívida pública nacional desaparecer no seu tempo de vida.

8-    Se você não consegue de modo algum um tempo de silêncio em sua casa, bibliotecas geralmente são um paraíso livre de barulhos. Ou talvez o escritório, após o horário de trabalho, ou um bar (café) silencioso. Aqui, novamente, a chave é a esquematização – vá quando for menos provável que esteja cheio de gente. Preocupado com o tempo de ida? O tempo que você gasta indo e vindo pode ser menor do que o tempo que você gasta ficando distraído.
Outra abordagem é aumentar sua habilidade em prestar atenção.
9-    Melhore seus hábitos diários de estilo de vida. Sono, dieta, exercício e hidratação são os pontos chave aqui. A desidratação, a privação de sono e a alimentação errada reduzem drasticamente sua capacidade em se concentrar. Comer alimentos saudáveis, descansar o suficiente e beber bastante líquido, por outro lado, mantém seu cérebro trabalhando na eficiência máxima e torna aquelas distrações mais fáceis de ignorar. Igualmente para os exercícios, que aumentam os níveis de neurotransmissores no cérebro e ajudam a melhorar a atenção.
Assim, isolar seus ouvidos funciona, mas não é a única maneira de resolver o problema. Veja se alguma dessas outras estratégias pode funcionar para você.
ADDitude

Nenhum comentário:

Postar um comentário