"De tanto ver triunfar as nulidades, de tanto ver prosperar a desonra, de tanto ver crescer a injustiça, de tanto ver agigantarem-se os poderes nas mãos dos maus, o homem chega a desanimar da virtude, a rir-se da honra, a ter vergonha de ser honesto."
RUI BARBOSA

quinta-feira, 8 de novembro de 2012

235- Determinando o estilo de aprendizagem do seu filho – Como maximizar o estilo de aprendizagem do seu filho.


Determinando o estilo de aprendizagem do seu filho – Como maximizar o estilo de aprendizagem do seu filho. Por Karen Sunderhaft.

Você pode já ter identificado o estilo sensorial de aprendizagem do seu filho – se ele é melhor no processamento da informação obtida visualmente, auditivamente ou sinestesicamente (por meio do tato ou do movimento).

Mas, e sobre o estilo cognitivo de aprendizagem dele? Ele mergulha nas particularidades, ou se afasta para uma visão de conjunto? Ele é um aprendiz “global”, que vê a floresta, ou um “analítico”, centrado nas árvores? Determinar como ele aprende permitirá que você apoie suas potencialidades e ensine estratégias que funcionem para ele.

Através de lentes diferentes

Você já ouviu seu filho comentar sobre um filme e se perguntou se ele assistiu ao mesmo filme?

Uma criança que vê o mundo de maneira global tende a “sentir” o filme. Ela prontamente entende o tema e pode dar uma descrição geral do enredo. Mas, provavelmente ela não poderá lembrar-se de detalhes sobre as personagens, o fio da história ou o local. Para essa informação, pergunte ao que aprende de modo analítico. Ele lhe contará a história em grandes detalhes, contará fragmentos dos diálogos e o que as personagens estavam vestindo em cada cena. Quando for solicitado um resumo, entretanto, ele não se sairá tão bem.

A mesma distinção é aparente na maneira como as crianças enfrentam as tarefas. Antes de iniciar um jogo de quebra cabeças de montar, por exemplo, o que aprende de maneira global estuda a figura da caixa em relação ao conteúdo, desenho e cores. Em contraste, o que aprende de modo analítico examina as peças do quebra cabeças e começa a juntá-las antes de olhar a figura.

Em sala de aula

Para se organizar ou para fazer provas, o que aprende de modo analítico tem potencialidades e necessidades diferentes das de uma criança cuja abordagem seja global. Eis aqui o que você deve saber e como poderá ajudar.

O aprendiz analítico:

prefere terminar uma tarefa antes de começar outra.

Elogie-o por um trabalho bem feito e ajude-o a prosseguir mantendo uma escala ou lista de checagem diária.

trabalha melhor sem distrações.

Propicie um local de trabalho silencioso e encoraje-o a escrever as perguntas e a evitar interrupções em sua concentração.

• precisa achar um significado e a relevância do que está aprendendo na escola.

Se o professor não faz essas conexões, tenha uma conversa em casa.

prefira testes de múltipla escolha do tipo verdadeiro/falso.

Crie testes práticos que incluam respostas longas ou dissertações.

O aprendiz global:

precisa ver a grande paisagem antes de se focalizar nos detalhes.

Para ajuda-lo a fazer as duas coisas, especifique os fatos a valorizar antes de começar a leitura. Se ele perde os detalhes durante a leitura, faça-o utilizar um gravador em sala de aula, para que possa escutar novamente.

tende à procrastinação.

Ajude-o a iniciar uma tarefa e fique checando seu progresso. Trabalhar com outra pessoa pode ajuda-lo a se manter atento.

deixa as tarefas sem terminar ou vai logo para a parte criativa.

Providencie uma lista de checagem passo-a-passo para mantê-lo na atividade.

prefere testes que exijam experiências em vez de uma lista de fatos.

Realce os fatos importantes no material de estudo. Ensine a ele estratégias para fazer as provas ou testes, tal como usar o processo de eliminação em testes de múltipla escolha.