"De tanto ver triunfar as nulidades, de tanto ver prosperar a desonra, de tanto ver crescer a injustiça, de tanto ver agigantarem-se os poderes nas mãos dos maus, o homem chega a desanimar da virtude, a rir-se da honra, a ter vergonha de ser honesto."
RUI BARBOSA

quarta-feira, 6 de fevereiro de 2013

261- Spielberg, sobre Dislexia: “Você não está sozinho”


 
Apesar de ter sofrido bullying na escola, Steven Spielberg não deixou que a dislexia o impedisse de se tornar uma lenda de Hollywood. Leia suas palavras encorajadoras para as pessoas com dificuldades de aprendizagem. Os Editores de ADDitude

O vencedor de prêmio da Academia de Cinema dos Estados Unidos (Academy Award – Oscar), diretor Steven Spielberg recentemente confirmou que tem dislexia – a primeira vez que falou nisso publicamente. “Foi a última peça do quebra-cabeça e um segredo enorme que eu mantive guardado todos esses anos”, diz o diretor em uma entrevista em www.friendsofquinn.com . Diagnosticado cinco anos atrás, Spielberg aprendeu a ler dois anos mais tarde do que seus colegas de classe, que promoviam bullying contra ele com tanta intensidade que ele sentia muito medo de ir para a escola.

“Nunca me senti como uma vítima”, diz. “O cinema me salvou da vergonha, de me sentir culpado, de fazer dela um peso quando não era”.

Spielberg, que foi abençoado com pais que o apoiaram, voltou para a faculdade aos 50 anos para terminar o curso, que ele havia abandonado em 1968 para se tornar diretor de cinema. Ele diz que lhe custa o dobro do tempo, comparado a qualquer outra pessoa, para ler um livro ou roteiro, mas ele usa o tempo a mais procurando coisas para apreciar enquanto se demora sobre as palavras.

Seu conselho para os adultos jovens com Dificuldade de Aprendizagem? “Você não está sozinho, e embora sofra de dislexia por toda sua vida, você pode se livrar das dificuldades para chegar aonde quer ir. Ela não vai impedi-lo”.

ADDitude, inverno de 2012.

Nenhum comentário:

Postar um comentário