"De tanto ver triunfar as nulidades, de tanto ver prosperar a desonra, de tanto ver crescer a injustiça, de tanto ver agigantarem-se os poderes nas mãos dos maus, o homem chega a desanimar da virtude, a rir-se da honra, a ter vergonha de ser honesto."
RUI BARBOSA

domingo, 5 de julho de 2015

O Que Não Dizer Aos Pais de Uma Criança Com TDAH (406)


Apesar da sólida evidência médica do contrário, o TDAH ainda é considerado por muitas pessoas como nada mais do que falta de controle dos pais, muito tempo de televisão ou computador, ou uma desculpa dos pais para a falta de disciplina. Nada disso. Se você conhece alguém que esteja cuidando de uma criança com TDAH, aqui estão dez mitos e equívocos que você não deve repetir. Pelos editores de ADDitude.

Já Chega

Quando você está fazendo o melhor que pode cuidando de seu filho com TDAH, pode ser muito frustrante ouvir comentários mal informados de amigos bem intencionados, parentes e até mesmo de estranhos. Aqui estão os dez comentários mais insensíveis sobre TDAH que os pais escutam muito frequentemente.

1- O TDAH é somente uma desculpa para pais descuidados

Todos nós já ouvimos os julgamentos sussurrados "Por que eles não podem controlar seu filho?", "Eu nunca deixaria meu filho fazer isso". O TDAH é uma condição médica e neurológica, que pode causar problemas de comportamento muito reais, que os pais e as crianças enfrentam todos os dias. Comparar o comportamento de uma criança com TDAH com o de um colega neurotípico [isto é um eufemismo para dizer "normal"] é improdutivo e demonstra insensibilidade.

2- Ele vai superar isso

O TDAH não é apenas uma "dor do crescimento", e não há nenhuma garantia de que os sintomas vão melhorar com a idade. Na verdade, até dois terços das crianças diagnosticadas com TDAH continuarão a enfrentar a condição na vida adulta.

3- As crianças com TDAH têm uma vantagem injusta na escola

As acomodações escolares definidas no Plano 504 e o nível de atuação do IEP (Plano de Educação Individual) [ambos nos Estados Unidos] para uma criança com problemas escolares causados pelo TDAH ou por Dificuldades de Aprendizagem equalizam o jogo. A lei garante que esses serviços estejam disponíveis para alunos que deles necessitem; não deixe que comentários desinformados o impeçam de obtê-los para seu filho, tais como reforço, mais tempo e salas de aula que atendam a suas necessidades.

4- Ela é mesmo uma criadora de caso

Palmadas e outras punições severas são, na verdade, contraproducentes para crianças com TDAH, que têm dificuldade de permanecer sentadas, de ficar quietas e de obedecer a regras rígidas. Os modos tradicionais de disciplinar não funcionam quando o comportamento vem de uma condição neurológica fora do controle pela criança. Então, os pais e os professores precisam tentar novas abordagens, tais como a terapia comportamental e os cuidados paternais e maternais positivos.

5- O TDAH é causado por muita TV

Negativo. Não há nenhuma evidência que apoie a ligação entre a televisão (ou videogueimes, ou smartfones) e o TDAH. De fato, um punhado de crianças que não assistem TV são diagnosticadas com TDAH. Mais e mais pesquisas apontam para uma ligação genética.

6- Ela é só um pouco agitada

Se fosse só isso. Enquanto a hiperatividade é altamente visível, e a marca registrada de alguns TDAH, outras manifestações - como impulsividade e desatenção - são quase invisíveis para estranhos, mas causam grande impacto na vida diária da criança.

7- Ninguém tinha TDAH quando eu era criança

O nome pode ser novo, mas o fenômeno não é - muitos de nós, diagnosticados com TDAH agora, poderemos ter sido chamados de preguiçosos, burros, ou incapazes de aprender - ou até mesmo diagnosticados com um "Defeito do Controle Moral".

8- Provavelmente é só muito açúcar

Embora os sintomas possam sofrer agravamento por excesso de doces, o açúcar não causa o TDAH. Alguns pais dizem não ver nenhuma diferença nos sintomas de seus filhos, mesmo que sejam completamente privados de açúcar.

9- Os pais gostam de remédios

A decisão de usar medicação fica entre a família e o médico, e não é fácil para ninguém. Os pais geralmente apelam para a medicação somente depois que as mudanças na dieta, os suplementos e outras modificações comportamentais não tiveram eficácia.

10- Ele só precisa gastar sua energia

Observadores bem intencionados, porém mal informados, geralmente pensam que as crianças com TDAH só precisam ficar cansadas e achar a atividade correta para resolver seus problemas. Infelizmente, o futebol ou o paintball não conseguem controlar os sintomas do TDAH. Só o tratamento correto faz isso.


ADDitude

Nenhum comentário:

Postar um comentário