"De tanto ver triunfar as nulidades, de tanto ver prosperar a desonra, de tanto ver crescer a injustiça, de tanto ver agigantarem-se os poderes nas mãos dos maus, o homem chega a desanimar da virtude, a rir-se da honra, a ter vergonha de ser honesto."
RUI BARBOSA

terça-feira, 14 de abril de 2015

TDAH do Adulto - Uma vida menos comum (e mais satisfatória) (400)


Você é muito mais do que qualquer um dos seus sucessos ou fracassos. Como se tornar mais resiliente - e feliz - vivendo com o TDAH do adulto. Por Jonathan Mooney

Adultos com TDAH precisam se esforçar para serem resilientes. Estou falando de descobrir o guerreiro dentro de cada um de nós.

Se sabemos ou não, o guerreiro se desenvolveu ao longo de anos de lutas pelas nossas identidades na escola - rodeados por famílias que lutaram lado a lado conosco - e por nossos esforços no trabalho e na sociedade. Ao final, é isso que somos.

Mas, geralmente, na batalha por sobreviver na escola, no emprego ou em nossos relacionamentos, nos esquecemos de como construir nosso próprio caminho, e até mesmo como atracar o barco, às vezes - como a pequena criança que não fica sentada na carteira e que exige uma explicação de por qual motivo deveria.

Viver uma vida menos comum é sobre ser um guerreiro e dizer a eles que vão se ferrar com suas medalhas douradas e identidades vazias. Seria irônico (não seria?) se eu tentasse lhe dizer como fazer isso? Não posso. De fato, eu nem ousaria. Mas aqui estão algumas coisas para pensar a respeito de como desenvolver o guerreiro que está vivendo dentro de você.

Defina sucesso

Sua própria definição de sucesso. Defina o que significa para você, não para os outros, ser bem sucedido na vida.

Arrume um fã-clube

Encontre pessoas em sua vida que possam comemorar seu sucesso com você. Às vezes, as melhores pessoas para fazer isso são as que estão contigo desde o início. Quando algo de bom lhe acontece - uma promoção, um aumento de salário, ou só um tapinha do patrão nas suas costas - passe um e-mail para seu fã-clube ou fale com eles ao telefone para compartilhar a novidade e desfrutar sua adulação.

Sobreviva aos reveses

Reveses são um saco. Nenhuma outra análise é necessária. Pior ainda, eles são um fato da vida e podem levar ao medo e a dúvidas sobre suas habilidades. Quando os reveses acontecem - e eles acontecerão se você estiver tocando a vida - relaxe, respire fundo, e saiba que eles são o produto inevitável de trabalhar muito e correr riscos. Se você nunca tiver reveses, você não estará tentando o suficiente.

Assuma a disputa e o risco

Essas são duas coisas que os adultos com TDAH foram ensinados a evitar, mas, de fato, são a chave para se tornarem indivíduos com poder. Muitas pessoas equiparam felicidade à perfeição, e, assim, tentam evitar a luta. E o risco faz surgir o medo do fracasso. Porém, há significado na disputa, e somente assumindo os riscos você crescerá e terá sucesso.

Não tema o fracasso

Crescemos com o medo da nota F (nos sistema escolar americano). Quando ganhamos F, não recebemos as estrelas de ouro, certo? Mas a ironia é que, sem se arriscar a fracassar, nunca conquistaremos algo que seja verdadeiramente nosso. Comprometer-se consigo mesmo a viver uma vida com suas próprias clausulas e a perseguir suas próprias metas e a definição de sucesso é arriscado. Tenha em mente que sua parte resiliente é forte, e sua identidade é independente do seu desempenho ou do seu sucesso. Quando enxergar desse modo, e sem medo, o fracasso simplesmente se transformará em um excitante, mas sem sentido, jogo de pôquer.

Um último conselho: Reconquistar nosso eu das instituições das quais somos parte é uma batalha para toda a vida, mas é também uma lição. As escolas que frequentamos, as carreiras que escolhemos e os relacionamentos em que nos engajamos impõem valores sobre nós. Ser um guerreiro em tudo que você fizer é um meio de mudar sua vida enquanto se mantém leal a si mesmo.

Este artigo foi retirado de Learning Outside de Lines, por Janathan Mooney e David Cole.


ADDitude - verão de 2008