"De tanto ver triunfar as nulidades, de tanto ver prosperar a desonra, de tanto ver crescer a injustiça, de tanto ver agigantarem-se os poderes nas mãos dos maus, o homem chega a desanimar da virtude, a rir-se da honra, a ter vergonha de ser honesto."
RUI BARBOSA

sexta-feira, 16 de junho de 2017

TDAH - ADHD - Você esqueceria sua cabeça se ela não estivesse grudada no seu pescoço” - 435

Você esqueceria sua cabeça se ela não estivesse grudada no seu pescoço”

Se o seu filho se esquece de entregar o trabalho de casa já feito à professora, se ele se esquece das tarefas a serem feitas, ou de trazer para casa os boletins, tente essas estratégias testadas pelas mães para melhorar a memória de trabalho das crianças com TDAH.

Por Melinda Boring

Você sempre ajudou seu filho com as tarefas de casa apenas para ele esquecer de entregá-las à professora? Você fica desconcertada quando seu filho consegue soletrar as palavras corretamente em casa, mas, na escola ele erra as mesmas palavras no teste de soletração?
Essas experiências são comuns nas crianças com TDAH. Ter uma memória de trabalho fraca, além de ser facilmente distraído, leva muitas dificuldades para reter a informação. Aqui estão várias estratégias de lembrar-se, que funcionaram para melhorar a memória dos meus filhos.

1- Seja emocional. Emoções positivas estabelecem um novo palco para novos aprendizados. Quando você se envolve nas emoções do seu filho, ele estará mais apto a se lembrar da informação. Tente introduzir um tópico contando uma história com um personagem ou circunstância com que seu estudante possa se identificar. Quando seu filho estiver se esforçando para memorizar os fatos da matemática, lembre a ele de uma história ou de um filme ou vídeo que ele leu, ou assistiu, no qual um cachorro ou um menino descobre o caminho de volta para casa em mio a vários desafios. Se você não consegue pensar em uma história pertinente, ajude o estudante a se lembrar de uma ocasião em que ele enfrentou uma tarefa muito difícil e conseguiu completá-la. Esses sentimentos agradáveis podem motivar e envolver o estudante conforme ele aprende novas matérias.

2- Seja criativo. A novidade ajuda as crianças com TDAH a se lembrarem da informação. Introduza um assunto com uma breve demonstração, usando objetos reais ou atividades com as mãos, para atrair a atenção dos estudantes.. Escreva palavras num papel em branco, de modo a que eles consigam enxergar através de uma folha de plástico com bolhas. Dê 30 segundos para o estudante ler tantas palavras quanto ele conseguir, estourando cada bolha à medida que ele prossegue. Outras estratégias criativas incluem inserir um lápis em uma laranja para mostrar como a terra gira e orbita ao mesmo tempo, ou deixe as crianças assistirem a um vídeo no YouTube sobre um acidente de skate, antes de ensinar sobre anatomia ou primeiros socorros.

3- Utilise dicas sensoriais. As pesquisas mostram que o cheiro do hortelã-pimenta aumenta a atenção e facilita a aprendizagem. Deixe seu filho chupar pastilhas de hortelão enquanto ele estuda. Se a escola não permite doces em classe, pingue algumas gotas de óleo essencial de hortelã em uma bolinha de algodão. Seu filho pode puxá-la da bolsa e dar uma cheiradinha quando sua concentração precisar de um empurrão.

4- Crie métodos mnemônicos. Esses auxiliares e estratégias da memória melhoram a memorização. Eis aqui os meu favoritos:
- Acrônimos usam a primeira letra de cada palavra em uma sequência para melhorar a evocação do seu filho. Por exemplo, use COW (vaca) para que ele se lembre dos estados da costa oeste dos Estados Unidos (Califórnia, Oregon e Washington)
- Acrôsticos ajuda a criança a se lembrar pelo uso de frases que começam com a primeira letra de cada item a ser lembrado. Em ciências, você pode usar a frase Kings Play Chess On Finely Ground Sand para que ele se lembre de Kindon (Reino), Phylum (Filo), Class (Classe), Order (Ordem), Family (Família), Genus (Gênero), Species (Espécie).
Para a ordem algébrica das operações use Please Excuse My Dear Aunt Sally (Parênteses, Expoentes, Multiplicação, Divisão, Adição, Subtração). Em música, para lembrar-se das notas das linhas de baixo até em cima, use Every Good Boy Does Fine
(EGBDF). Para geografia, Never Eat Sggy Waffles (Norte, Este, Sul, Oeste), aguçarão as habilidades da criança com os mapas. Acrósticos farão com que você saiba que se lembrou de todos os itens de uma lista.
- Mnemônica de rima de números. Selecione objetos que rimam com os números de 1 a 10. Exemplo: 1 = sun (one = sun)(uã = sã)(um = sol); 2 = shoe, 3 = tree etc. Para aprender a informação nova, o estudante visualiza a rima dos números interagindo com os itens a memorizar. Exemplo: A criança precisa precisa ir ao quarto de dormir e trazer de volta três coisas: um lápis, um moleton e um livro. Um estudante pode imaginar um lápis pegando fogo no sol, tirando o moleton de um sapato e subir numa árvore para pegar o livro. [NT - Sejam criativos professores brasileiros e portugueses, para as adaptações do ingês para o português]

5- Movimente-se. Permitir que o estudante se movimente enquanto aprende é, às vezes, tudo o que é preciso para aumentar a motivação e a retenção da matéria. A atividade física reduz o estresse e aumenta a energia, e pode ajudar a informação cruzar a linha média do cérebro, de modo a que ela seja compartilhada pelos dois hemisférios. Isso aumenta a possibilidade de que a informação mude da memória de curto prazo para a memória de longo prazo. Uma criança pode permanecer ativa e melhorar a evocação ao brincar com um objeto nas mãos. Manipular objetos com as próprias mão estende a faixa de atenção e o foco.
O cérebro TDAH ama variedade, brevidade e novidade. Depois que você ensinar as estratégias acima ao seu filho, deixe que ele crie as suas próprias. Embora essas dicas e truques de memória suportem a memória de trabalho fraca e melhorem a evocação, sempre haverá alguns novos para experimentar. Trabalhe com seu filho para descobrir novas estratégias.