"De tanto ver triunfar as nulidades, de tanto ver prosperar a desonra, de tanto ver crescer a injustiça, de tanto ver agigantarem-se os poderes nas mãos dos maus, o homem chega a desanimar da virtude, a rir-se da honra, a ter vergonha de ser honesto."
RUI BARBOSA

quinta-feira, 10 de janeiro de 2013

257- Sete maneiras de aumentar o sentimento de posse dos estudantes


Sete maneiras de aumentar o sentimento de posse dos estudantes

Jennifer Barnett – Teacher magazine.org

Ouvimos isso todo dia. “Os estudantes devem cuidar de sua escola”. Mas, como fazemos isso acontecer?

Na última primavera, eu e meus colegas começamos o processo de transformação da Childersburg High School (CHS), que atende aproximadamente 500 estudantes de Talladega County, Alabama, com um agudo foco na faculdade e aptidão para a carreira. Muitas mudanças foram principalmente em pedagogia e nas ferramentas de aprendizagem: a mudança de instrução para um currículo de aprendizagem com base em um projeto; a adoção de cursos avançados sobre colocação e estímulos honoríficos para aumentar o rigor acadêmico; a adição de computadores desktops, lousas inteligentes e impressoras em rede para todas as classes; e um sistema de gerenciamento de curso para facilitar o novo meio digital. Coisas boas.

Mas, a melhor parte dessa transformação foi a dramática mudança na cultura escolar. É verdade: Estudantes da nossa escola demonstram a posse de sua comunidade de aprendizado todos os dias. Eu às vezes me belisco para ter certeza de que não estou sonhando. A seguir, algumas estratégias que funcionaram conosco – e que podem funcionar com você.

1- Desafie os estudantes para sonhar

Nossa equipe de liderança de estudantes visitou escolas com programas acadêmicos progressistas e forte cultura escolar – e encontrou-se com os estudantes líderes dessas escolas. Essas trocas foram realmente importantes.

Quando os estudantes estavam processando o que viram e ouviram, eu os provoquei com perguntas no início. Mas logo os estudantes se ligaram, descobrindo que nós estávamos realmente querendo que eles imaginassem as possibilidades!

De volta à escola, os estudantes compilaram uma lista de tudo o que gostaram e uma lista separada do que se aplicaria à sua escola. Neste ponto, eles tinham de decidir o que mais precisavam de sua escola. (Dica: Tome bastante tempo para fazer isso. Isso não é uma atividade de dez minutos para o final do dia!)

Em seguida, os estudantes compartilharam suas ideias com a faculdade, apresentando uma lista de coisas prioritárias a serem mudadas, que poderiam fazer de sua escola o que eles precisavam. Frequentemente revisitamos essa lista – ela serve como um catalizador para o progresso contínuo.

2- Convide os estudantes para falar sobre a nova identidade de sua escola.

O próximo passo foi para os estudantes líderes criarem documentos fundamentais. Nossos estudantes líderes criaram dois: o CHS Tiger Creed (descrevendo em suas próprias palavras no que eles acreditavam como estudantes) e o CHS Tiger Testimony (ilustrando exatamente o que os estudantes podem esperar de si mesmos na escola). Isso tomou o dia todo. (E o fato de que foi um dia inteiro de suas férias de verão fala do quanto eles estavam se comprometendo!)

Eles compartilharam esses princípios com a faculdade e ofereceram insights sobre o modo como a crença e o testemunho podem funcionar com todos os estudantes quando a escola reabrir no outono.

3- Dê boas vindas aos visitantes.

Nos últimos cinco meses, tenho frequentemente rido para mim mesma ao ver nossos estudantes receber visitantes em sua escola. Você pensaria que eles estariam mostrando um novo carro esportivo – você não pode deixar de ver o orgulho em suas vozes.

Quem visita? Líderes da comunidade, líderes de negócios, professores ativos e aposentados, estudantes, administradores de outras escolas, administradores de distritos, membros  de bancas escolares, pais, membros de clubes de apoio e escolas provedoras. Você teve a ideia. Os estudantes só precisaram de uma audiência.

Para ajudar, criei “notas de visita” para nossos guias praticarem. Eles melhoraram as notas e gostam de treinar novos recrutas para liderar as visitas. Minha parte é infinitesimal. Sou, basicamente, uma coordenadora logística – eles fazem o resto.

Os estudantes se beneficiam com esse tipo de programa: Os guias de visita têm oportunidades autênticas de lapidar suas habilidades de comunicação e o estudante comum descobre que a escola é merecedora de admiração. (Um bônus: Receber visitantes é um grande ponto de honra para sua escola!)

4- Errem por excesso de informação

Manter os estudantes informados é um dos modos mais importantes de manter o clima positivo. Use a tecnologia (Twitter, Facebook, a página da escola na Web, et) para informar os estudantes  sobre as coisas acadêmicas, notícias sobre atletismo, eventos próximos e outros anúncios importantes para a escola. Nós constantemente lembramos aos nossos estudantes para se manterem informados via Moodle (nosso sistema de gerenciamento de curso), e os professores gastam regularmente poucos minutos durante as aulas para rever as informações escolares. É desafiador ter certeza de que estudantes estejam cientes do que acontece – mas é uma parte crítica para ajudá-los a se sentir conectados.

5- Peça retorno – e, então, inclua os estudantes na realização

Gostamos de avaliar nossos estudantes. Perguntamos sobre as iniciativas da escola, atividades extracurriculares, culturais e mais. Você pode mostrar aos estudantes que os está ouvindo ao usar os resultados para fazer as mudanças e melhorias. Peça aos estudantes para ajudar na feitura das mudanças que eles pediram – em muitos casos, eles podem ajudar a iniciar novos programas e atividades.

6- Envolva os estudantes no processo de contratação

Faça os estudantes participarem do painel de entrevistas de contratação de novos funcionários. Empregar alguém é um dos aspectos mais importantes de uma escola, então, dar aos estudantes a oportunidade de participar do processo assinala algo significativo. Depois do treinamento deles nas leis básicas que governam o processo de entrevista, permita que os estudantes façam perguntas e propiciem opinião aos administradores. Estudantes têm ideias muito interessantes e podem trazer novas perspectivas no processo de contratação.

7- Inicie um programa de assessoria por pares

Um programa de assessoramento é outro do tipo ganha-ganha. Meus colegas e eu estamos atualmente trabalhando em uma iniciativa para utilizar uma soma enorme de conhecimento e experiência: nossos estudantes veteranos.

Muitos veteranos já fizeram exames vestibulares, se inscreveram em faculdades e já escolheram um campo de interesse e de estudos, já solicitaram ajuda financeira e bolsas de estudos, e já visitaram vários campi. Mesmo em escolas pequenas, será difícil para um conselheiro escolar (mais de um, se você tiver sorte) ter uma conversa do tipo um a um com os estudantes sobre todos esses tópicos, além das outras obrigações. Então, por que não encorajar os veteranos a dividir suas experiências com os não graduados antes de sua formatura? Estou empolgada para desenvolver um curso para os programas Student College e Career Library Assistant que iniciaremos no outono.

Na Childersburg High School, nossos estudantes não estão estudando liderança. Eles estão praticando a liderança por meio da criação da escola que eles querem e que precisam. Temos muito mais a fazer para nos tornarmos a escola que nossos estudantes imaginaram na última primavera. Mas eu sei que estamos no caminho certo. Conforme você e seus colegas trabalhem para criar a escola o mais eficaz possível, não se esqueça de dividir com seus melhores aliados que você tem: seus estudantes.

Nenhum comentário:

Postar um comentário