"De tanto ver triunfar as nulidades, de tanto ver prosperar a desonra, de tanto ver crescer a injustiça, de tanto ver agigantarem-se os poderes nas mãos dos maus, o homem chega a desanimar da virtude, a rir-se da honra, a ter vergonha de ser honesto."
RUI BARBOSA

terça-feira, 28 de setembro de 2010

28- Acabe com a distração: Melhorando o foco do TDAH em casa e na escola

Alunos com TDAH podem facilmente se distrair, perder o foco e ter devaneios em classe. Descubra como auxiliar as crianças com TDAH a evitar as distrações e permanecer focalizadas na tarefa indicada. Dos editores de ADDitude

O problema: O aluno com TDAH parece que não escuta ou presta atenção na matéria escolar. Ele pode se distrair, ficar olhando pela janela, ou focalizado em barulhos irrelevantes ou outros estímulos. Como resultado, ele perde as lições, as instruções e as orientações.

A causa: O TDAH não é apenas uma incapacidade de prestar atenção – é uma incapacidade de controlar a atenção. Crianças com TDAH têm um nível mais baixo de despertar cerebral, que por sua vez diminui a capacidade de filtrar as distrações, tais como barulhos no corredor, a movimentação fora da sala ou até mesmo seus próprios pensamentos e sentimentos internos. Crianças com TDAH têm uma dificuldade especialmente severa em desligar as distrações quando a atividade não é suficientemente estimulante.

Os obstáculos: Crianças com TDAH lutam por permanecerem focalizadas na leitura ou em qualquer tarefa que exija esforço mental sustentado. Às vezes, a distração pode parecer intencional e perturbadora – o que trabalha contra o estudante com TDAH para obter a ajuda de que ele necessita. Críticas como “Acorde fulano” ou “Por que você nunca escuta?” não corrigem este déficit de atenção. Se a criança pudesse prestar mais atenção, ela o faria.

Leia para descobrir as soluções para por fim às distrações em sala de aula e em casa.

Soluções na Sala de Aula

-- Selecione as carteiras sabiamente. Manter as crianças com TDAH perto do professor e longe das portas e das janelas ajudará a diminuir o potencial de distração e propiciará os melhores resultados para manter o foco.

-- Permita que todos os estudantes usem bloqueadores de distração. Para prevenir a exclusão das crianças com TDAH, deixe que todos usem os divisores de privacidade, fones de ouvido, ou protetores de ouvidos para bloquear as distrações durante o trabalho sentado ou nos testes.

-- Mantenha as coisas interessantes. Alterne entre atividades de alto e baixo interesse e, quando possível, mantenha curtos os períodos de lição ou varie o ritmo de uma lição para a outra.

-- Acomode os diferentes estilos de aprendizagem. Use uma variedade de estratégias e de técnicas de ensino para atender aos múltiplos estilos de aprendizagem na sala de aula. Assim, todos os alunos terão oportunidade de abordar as lições da maneira que eles aprendem melhor.

-- Inclua facetas visuais, auditivas, e cenestésicas para todas as aulas. Dê, também, aos estudantes as oportunidades de trabalhar cooperativamente, individualmente e em grupo.

-- Redirecione em vez de reprimir. Em vez de castigar um aluno que se torna distraído, redirecione-o de modo que não cause problemas. Algumas vezes, perguntando à criança uma coisa que você sabe que ela pode responder, ou dando dicas não verbais, tais como permanecendo perto e tocando-a no ombro, poderá trazer a criança de volta ao foco.

Soluções em Casa

-- Estabeleça uma rotina diária de tarefas de casa. Algumas crianças necessitam de uma pausa entre a escola e as tarefas de casa, ou precisam de frequentes paradas entre os trabalhos. Descubra o que funciona melhor para o seu filho para ajudá-lo a evitar as distrações e a procrastinação.

-- Ajude seu filho com TDAH a produzir um ambiente livre de distrações. Algumas vezes o melhor ambiente de aprendizagem pode ser a mesa da cozinha, com música tocando ao fundo. Experimente até que encontre o lugar certo de aprendizagem.

-- Faça seu filho começar. Sente-se com sua criança e tenha certeza de que ela entende o que é solicitado em cada trabalho.

-- Supervisione conforme necessário. Muitas crianças com TDAH precisam de significativa supervisão adulta para se manter na tarefa. Conforme a situação melhore e a criança amadurece, você poderá sair da supervisão constante para freqüentes checagens para ter certeza de que sua criança esteja em ação.

-- Permita pequenas pausas entre as tarefas. Faça sua criança alongar ou ter um lanche após ter completado uma tarefa. Isto poderá ajudá-la a sentir sua sobrecarga mais suportável.

-- Quebre as tarefas grandes. Divida as grandes tarefas em “bocados”, cada um com um objetivo claro. Se sua criança sente que uma tarefa é factível, ela terá menor probabilidade de se distrair.

Nenhum comentário:

Postar um comentário